Argentino D´Alessandro comandou a vitória do adversário

Argentino D´Alessandro comandou a vitória do adversário

O Pelotas não pôde diante do Internacional. O Lobão entrou em campo embalado por duas vitórias consecutivas, mas não segurou o poderio dos jogadores colorados. Em um jogo com amplo domínio do adversário, o Lobo esboçou reação, mas a goleada por 3xo foi inevitável. Agora, para se classificar à próxima fase da Taça Piratini, o Pelotas necessita vencer seus últimos dois jogos desta fase. O fator positivo é de que estas duas partidas serão realizadas na Boca do Lobo. Na quarta-feira, às 19h30min, o duelo será diante do São Luiz e no domingo, às 16h, o adversário será o Canoas.

Os gols da goleada de 3×0 do Internacional foram de: Forlán (26min 1°T e 7min 2°T) e Fred (39min 1°T).

Marcação do Inter neutralizou o Pelotas

Marcação do Inter neutralizou o Pelotas

O Lobão jogou com: Jonatas; George Lucas, Wagner Silva, Bruno Salvador e Brida; Tiago Gaúcho (Filipinho), Igor, Tiago Renz e Fabiano Gadelha; Clodoaldo (Gabriel Atz) e Arthuro (Jadílson). Técnico: Carlos Moraes.

O Inter apresentou: Muriel; Gabriel, Rodrigo Moledo, Ronaldo Alves e Fabrício; Willians (Élton), Fred, Dátolo (Josimar) e D´Alessandro (Juan); Forlán e Leandro Damião. Técnico: Dunga.

PÓS-JOGO

Nas entrevistas coletivas após a partida, tanto o diretor executivo Maurício Rech quanto o treinador Carlos Moraes, fizeram questão de destacar que a classificação do Pelotas para a fase de mata-mata depende somente das próprias forças do Lobão. Vencendo os dois últimos jogos, ambos programados para a Boca do Lobo, dificilmente o Lobo não carimba uma das quatro vagas de sua chave à próxima etapa da competição.

 

Gabriel Ribeiro – Assessoria de Imprensa E.C.Pelotas